"Fala com sabedoria e ensina com amor." Pr. 31, 26

Use videoaulas como apoio didático em disciplinas presenciais

Use videoaulas como apoio didático em disciplinas presenciais

Além dos vídeos serem um excelente conteúdo multimídia que pode ser acessado a qualquer momento, de onde estiver e quantas vezes desejar, uma grande vantagem dos vídeos como apoio didático é que os alunos já estão familiarizados em ver vídeos como forma de lazer e fazem uso de várias tecnologias relacionadas para diversão.

E esse acesso à tecnologia e, mais especificamente, aos vídeos ocorre já com crianças muito novas.

Vejo isso acontecer em minha casa. Tenho um filho de 4 anos e ele já perde para jogar videogame, tem toda uma destreza com tablet, acessa o YouTube no tablet, faz o envio do vídeo que quer ver para a TV, se vira muito bem.

É uma geração que já sabe lidar naturalmente com esse tipo de ferramenta: smartphones, tablets, computadores e outros aparelhos do mesmo tipo.

Se os alunos já assistem vídeos naturalmente, como forma de entretenimento, por porque não usar esse recurso como apoio didático?

É muito comum você ter jovem que quando querem se distrair acessam YouTube, Facebook e vêem vídeos.

Quando querem mexer em seu smartphone ou fazer algo que não sabem, recorrem ao Youtube para ver um conteúdo de orientação, de instrução.

Às vezes observamos comentários dos alunos e algo que não é raro, algo que eu começo a ver com uma certa frequência , são alunos preferindo vídeo ao texto, aluno preferido muito mais um vídeo do que pegar livros, principalmente optando por vídeos em detrimento de livros mais grossos, mais densos.

Sabemos que vídeo é uma coisa, livro é outra, livros são muito importantes.

Não estou dizendo que hoje o vídeo substitui o livro, mas o vídeo é um recurso a mais para ser usado junto com o livro, junto com dispositivos, junto com todas as outras coisas.

E você, você já usa ou pretende usar vídeos para uma disciplina sua? Se já usou, como foi? E se não usou, o que falta para colocar em prática?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *